Câmara de São Sebastião pode ter mais uma sessão agitada



Postado em: 10/02/2014


Foto: Radar Litoral

Sessão  da semana passada foi interrompida devido à manifestação

São Sebastião-10/02/2014 - A Câmara Municipal de São Sebastião tenta retomar seu ritmo normal na sessão desta terça-feira 11/2), a partir das 18 horas. Na pauta, estão alguns requerimentos que devem provocar polêmica e o Legislativo deve ser palco de mais uma manifestação contra o aumento do IPTU, como ocorreu na semana passada.
 Estão previstas a leitura de diversos projetos e pareceres a projetos que deram entrada na Casa no ano passado. Entre os destaques, o veto da Prefeitura ao projeto de lei 51/13, de autoria do vereador Jair Pires (PSDB), que “Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Acompanhamento da Aplicação dos Royalties de Petróleo e Gás Natural”.
 Entre os requerimentos, deve provocar polêmica o de autoria também de Jair Pires, que convoca o ex-secretário adjunto de Habitação Celso Jaymes, para prestar esclarecimentos sobre a pasta. Após ser exonerado, o ex-assessor passou a fazer uma série de denúncias contra a atual administração pelas redes sociais. Estão na pauta 23 requerimentos, a maioria deles da semana passada, qaundo a sessão foi interrompida pelos manifestantes e 30 indicações.
Protesto
Está previsto na sessão de hoje mais um protesto, organizado pelas redes sociais, contra o aumento do IPTU em São Sebastião, que chegou até 670%. A concentração está prevista para às 18 horas, na Praça Major João Fernandes, a Praça do Coreto, de onde os manifestantes devem se dirigir à Câmara.



Últimas Notícias