Agentes da saúde vistoriam mais de 24 mil imóveis em combate a dengue em Ilhabela



Postado em: 14/05/2024


Agentes de Controle de Vetores da Secretaria de Saúde de Ilhabela já visitaram mais de 24,4 mil imóveis em busca de focos de infestação desde o início do ano.  A prevenção contra a dengue exige cuidado constante e ações de monitoramento para evitar a água parada e a proliferação do mosquito transmissor.

Nos locais de visita, os agentes orientam os moradores e eliminam as larvas de mosquitos dos pratos de vasos de planta e outros objetos que acumulam líquidos. Agentes comunitários de saúde também fazem um trabalho complementar no combate à dengue com visitas domiciliares, informando sobre as medidas de prevenção.

Além das residências, cerca de 890 pontos estratégicos foram vistoriados, como descartes de sucatas e depósitos. Com a busca ativa pelas larvas de mosquito, foram eliminados 2.600 criadouros e recolhidas mais de 10 toneladas em materiais inservíveis considerados de alto risco para a propagação da dengue.

Para eliminar os focos do mosquito Aedes aegypti, a Prefeitura de Ilhabela utiliza diversas táticas e instrumentos. Uma das formas mais eficazes é a rápida identificação da doença e o controle imediato dos focos nos locais em que as pessoas infectadas moram. Para tanto, em todas as Unidades Básicas de Saúde o município dispõe de testes rápidos para o diagnóstico da dengue. Se der positivo, a pessoa é encaminhada para tratamento.

Ao mesmo tempo, a equipe de Controle de Vetores também é informada e vai até o local da residência, traçando um raio de ação de 150 metros a partir da casa alvo. Todos os imóveis compreendidos nesse raio são visitados para o trabalho de eliminação dos focos do mosquito, casa por casa.

Educação preventiva

Um importante aliado às estratégias de prevenção são as ações educativas. Por isso as Secretarias de Educação, Serviços Urbanos e Meio Ambiente são parceiros na orientação aos munícipes. Em 2024, já foram realizadas 42 ações em escolas, eventos e locais estratégicos para a conscientização sobre os riscos da doença e de como se prevenir da contaminação pelo vírus.

Vacinação

A vacinação contra a dengue em Ilhabela começou nesta terça-feira (7) para crianças e adolescentes com idades entre os 10 e os 14 anos. O esquema vacinal recomendado consiste em duas doses, com um intervalo de 3 meses entre cada uma. Os pais ou responsáveis devem levar um documento de identificação e a caderneta de vacinação à Unidade Básica de Saúde.
 



Últimas Notícias