Divulgação/Concessionária Tamoios

Serras da Tamoios e Oswaldo Cruz continuam interditadas



Postado em: 09/03/2024


Os trechos de serra das rodovias dos Tamoios e Oswaldo Cruz entraram no terceiro dia de interdição, devido ao volume de chuva da noite de quarta-feira (6). A alternativa para os motoristas é a Rodovia Mogi-Bertioga.

Segundo a Concessionária Tamoios, a medida  é adotada visando garantir a segurança dos usuários pois há risco de queda de barreiras. Por enquanto não há previsão de liberação, pois os níveis de precipitação continuam acima do limite de segurança, o solo está bastante encharcado e ainda há previsão de chuva para as próximas horas.

O trânsito continua fluindo em Operação Comboio com Pare & Siga pela Serra Nova. Até a manhã deste sábado (9), foram realizados 67 comboios permitindo o fluxo de veículos entre o Litoral Norte e o Vale do Paraíba.

Na noite de quinta (7) houve registro de deslizamento de terra na altura do km 73. Houve também deslizamento de pedras no km 80 (dia 8 por volta da 8h). O trecho já estava preventivamente interditado.

Operação Especial na Serra Nova 

O trânsito na Serra Nova flui através da Operação Comboio com Pare & Siga ora no sentido litoral, ora no sentido São José dos Campos, acompanhada por equipes da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) e da Concessionária Tamoios.

A realização dos Comboios privilegiará o seguinte formato:

Sentido São José dos Campos – todos os veículos sobem juntos

Sentido Litoral – os comboios são realizados separadamente por categoria: primeiro são os veículos de passeio, depois os veículos de carga e, por último, veículos com produtos perigosos.

O formato dos Comboios descrito acima pode variar. Cada comboio tem duração estimada de 1h30.

As equipes de sinalização estão posicionadas no km 64 (trecho de planalto) sentido litoral e, no trecho urbano de Caraguatatuba, estão próximas ao acesso para a Serra Nova, no sentido São José dos Campos.

Oswaldo Cruz

A Rodovia Oswaldo Cruz, que liga Taubaté a Ubatuba, também segue interditada no trecho de serra por causa de queda de barreiras e árvores. O bloqueio ocorre entre os kms 79,6 e 89. O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) mantém equipes no local para orientar os usuários e atua para liberar o tráfego.

 



Últimas Notícias