Divulgação/Polícia Civil

Homem que matou a mulher a golpes de facão é preso em Boraceia



Postado em: 13/09/2015


O vigilante E.A.S., de 32 anos, foi preso por policiais militares na tarde deste sábado (12), em Boraceia, na Costa Sul de São Sebastião, onde permaneceu escondido após cometer um crime bárbaro. Dois dias antes, ele matou dentro de casa a própria esposa, V.M.S. a golpes de facão.

O homem, ao contrário do que suspeitavam os policiais, permaneceu escondido no próprio bairro onde residia. Segundo o investigador chefe do SIG (Serviço de Investigações Gerais) do 2º DP de Boiçucanga, Ricardo Marques, após denúncias de populares, o localizaram em uma casa na Rua Cubatão.

Ele não ofereceu resistência e confessou o crime, motivado por ciúme.

No próprio dia do crime, a Polícia Civil pediu a prisão temporária do homem e foram distribuídas fotos pela região na tentativa de localizá-lo.

O vigilante foi conduzido para o 2º DP, onde foi elaborado o BO de captura e depois foi encaminhado para a Cadeia Pública de Caraguá.

Ainda nesta segunda-feira, pretendemos trazê-lo para o Boiçucanga, com o objetivo de ouvi-lo e indiciá-lo. “Queremos apurar melhor a história e saber onde foi parar a arma do crime”, explicou Marques.

O caso

Na manhã de quinta-feira (10), uma discussão violenta terminou em tragédia. O marido desferiu golpes de facão no pescoço e no braço da esposa. O casal também seria usuário de drogas e brigava constantemente.

Após cometer o crime, o homem ainda chamou vizinhos, comentado a “besteira” que havia cometido, e logo em seguida fugiu, ainda com a roupa cheia de sangue. Segundo uma das testemunhas, o marido tinha muito ciúmes da mulher.



Últimas Notícias