Divulgação

Projeto Tecendo as Águas inicia Programa de Formação Continuada no Litoral Norte


Postado em: 16/05/2018

O Projeto Tecendo as Águas, realizado pelo Instituto Supereco com o patrocínio da Petrobras, por meio do programa Petrobras Socioambiental e de uma rede de parceiros, retornou ao Litoral Norte com um forte propósito de fortalecimento comunitário a partir da educação.

A segunda etapa do Tecendo as Águas, iniciada em outubro de 2017, atende os municípios de São Sebastião e Caraguatatuba, nas Bacias de São Sebastião, Bacia do Rio São Francisco e Bacia do Rio Juqueriquerê. Entre as metas da nova fase está a implantação de um Programa de Formação Continuada voltado à educação para a conservação ambiental da região, o empreendedorismo social e o fortalecimento de comunidades com negócios que potencializem a cadeia do turismo sustentável e o Roteiro Caminho das Águas, criado pelo Supereco em 2015.

A equipe do "Tecendo as Águas" já realizou o cadastramento de lideranças comunitárias representantes de diferentes segmentos como pesca, artesanato, gastronomia, comércio e turismo sustentável. Entre março e abril, foram promovidas mobilizações no eixo Centro histórico de São Sebastião – Bairro de São Francisco e Morro do Abrigo, incluindo reuniões em espaços apoiados pela parceria com a Prefeitura de São Sebastião e na sede do Instituto Supereco, onde o público pôde constatar os resultados do Tecendo as Águas e perceber como seu trabalho pode ganhar um atrativo social, ambiental e econômico diferenciado e alinhado à sustentabilidade e aos ODS - Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. 

A artesã Rosana Costato, que participou de uma das reuniões, falou de suas expectativas. "Tô saindo daqui com esperança, porque fora da temporada eu não consigo vender meus trabalhos e o que eu quero é ganhar dinheiro com isso e fazer o que eu gosto, então eu acho que vai unir o útil ao agradável".

A primeira turma já está formada e em andamento para a aula inaugural. O coordenador de Educação Ambiental, Bruno dos Reis Fonseca, destaca o valor socioambiental desta iniciativa. "Nossa região é mais crítica dentro dessa área remanescente de Mata Atlântica. Tudo que a gente faz está direcionado para o fortalecimento comunitário, seja no artesanato, seja na gastronomia, utilizando recursos naturais daqui, e consequentemente, agregando mais valor ao produto. Há muitas possibilidades", ressaltou.

A educadora ambiental Anita Amaral, responsável pelo conteúdo do Programa de Formação Continuada, explicou como foram identificados os temas de interesse da população. "Trata-se de um processo participativo com foco na educação socioambiental, qualificação profissional e ecoempreendedorismo. Durante rodas de conversa, pudemos elencar os desejos e necessidades comuns. Entre os principais temas estão Marketing e Vendas, Sustentabilidade, Cooperativismo, Associativismo e Gestão de Negócios".

Vagner Gonçalves, responsável pela área de mobilização do Projeto, explica a importância da cultura e do protagonismo comunitário. "As pessoas sensibilizadas estão em nossa área de abrangência, e essa é uma grande oportunidade de valorização da cultura local. Podemos potencializar e desenvolver o turismo sustentável de base comunitária com os diferentes trabalhos que a comunidade já realiza, melhorando-os e inserindo dentro do Roteiro Caminho das águas", concluiu.

Aula Inaugural: Empreendedorismo

Sexta-feira (18) é o marco para o lançamento do Programa de Formação Continuada, com a aula inaugural sobre "Empreendedorismo", das 14h às 18h, no Centro Comunitário Mário Cândido, no Morro do Abrigo, em São Sebastião, em frente à EMEI (Escola Municipal de Educação Infantil) Pingo de Gente.

Aqueles que atuam em um dos segmentos listados, ou seja comerciante local, e não tenha participado do cadastramento, ainda dá tempo de se inscrever e integrar essa primeira turma. Basta entrar em contato com o Projeto Tecendo as Águas pelo e-mail mobilizacao@supereco.org.br ou pelo telefone (12) 3862-0100.

Rede de Parceiros do Instituto Supereco

Além do patrocínio da Petrobras por meio do programa Petrobras Socioambiental, o Projeto Tecendo as Águas conta com uma rede de parceiros estratégicos como o Instituto Educa Brasil, Prefeitura de Caraguatatuba, Prefeitura de São Sebastião, Trata Brasil, CBH-LN (Comitê de Bacias Hidrográficas do Litoral Norte), CEAG (Centro de Educação Ambiental de Guarulhos), Refresh Brazil e OBME (Organização Brasileira das Mulheres Empresárias).

 



Últimas Notícias