Luciano Vieira/PMSS

Reviravolta no Carnaval de São Sebastião: escolas de samba são punidas e X-9 é declarada campeã



Postado em: 23/02/2018


A X-9 do Canto do Mar é a campeã do Carnaval 2018 de São Sebastião. Apesar de ter ficado em 4º lugar, a agremiação foi beneficiada pela perda de cinco pontos de três escolas: Acadêmicos de São Francisco e Mocidade Independente da Topolândia por tumulto durante apuração e a campeão Ki Fogo por não ter desfilado na apoteose. A decisão foi tomada em reunião entre os diretores da Asec (Associação Sebastianense de Entidades Carnavalescas) e presidentes das escolas de samba.

Dessa forma, a X-9 foi declarada campeã, com 177,6 pontos. Com a perda dos pontos, as demais escolas ficaram com a seguinte pontuação: Ki Fogo, vice-campeã com 174,7 e Acadêmicos e Mocidade Independente 174, com a agremiação de São Francisco em terceiro nos critérios de desempate. A Sol da Vila, que havia perdido 18 pontos, permaneceu na quinta colocação.

De acordo com o regulamento, as agremiações que se envolverem em tumulto durante a apuração perdem cinco pontos na classificação geral, foi o caso Mocidade Independente da Topolândia e Acadêmicos de São Francisco. Já a Ki Fogo perdeu os mesmos cinco pontos por não ter participado do desfile da apoteose.

Ao final da divulgação das notas na apuração, na segunda-feira (12) de Carnaval, houve um princípio de tumulto causado por integrantes de algumas agremiações discordavam da avaliação dos jurados.

Outro lado

O presidente da Ki Fogo, Willer Borges, ressaltou ao Radar Litoral que a sua escola foi punida por não desfilar na apoteose. "Fizemos isso para preservar os integrantes, pois estávamos sofrendo fortes ameaças". Em relação às punições, ele afirmou que quem vota são os presidentes das escolas. "Eu abandonei a reunião e eles decidiram por punir a nossa agremiação. Muito triste para o Carnaval essa divisão".



Últimas Notícias