GCM

Comando da GCM faz balanço de atendimentos, aborda restruturação e criação de novos programas


Postado em: 16/05/2017

O Radar Litoral esteve na sede da Secretaria de Segurança Urbana, nesta terça-feira (16/5), para entrevistar o comando da Guarda Civil Municipal (GCM) de São Sebastião, que apresentou um balanço de atendimentos realizados nos quatro primeiros meses. Temas como restruturação da GCM, incluindo a aquisição de equipamentos, e a criação de novos programas também foram abordados pelo comandante Edgar Celestino, acompanhado do subcomandante Fernando Barroso, e o ouvidor Mauro Morando. 

Segundo eles, a principal meta da GCM é o patrulhamento preventivo/comunitário. Para isso, a participação da comunidade é fundamental com denúncias pelo 153 (GCM), 199 (COI/Defesa Civil) ou ainda na Ouvidoria pelo telefone 3891-2141.

Celestino contou que, ao assumir o comando este ano encontrou a GCM com apenas uma viatura e com os coletes à prova de balas com prazo de validade vencido. "Em 20 dias estávamos com os novos coletes e também algumas viaturas recuperadas", informou o comandante. Também houve a certificação expedida pela polícia. 

A GCM foi criada em 2008 com 65 guardas e, desde então, não teve reforço no efetivo. Neste ano, com as primeiras medidas adotadas para melhorar estrutura, Celestino conta que já houve maior número de atendimentos, totalizando 1607 até abril deste ano. Entre os mais comuns, averiguação de atitude suspeita, perturbação de sossego e cumprimeiro de medidas preventivas. Foram 38 ocorrências atendidas em janeiro (ainda com uma viatura), 413 em fevereiro, 536 em março e 620 em abril. 

Segundo o comandante da GCM, novo uniforme e novas viaturas estão previstas ainda este ano. "A tropa sentiu a mudança de clima, está bastante motivada. Recentemente o prefeito Felipe Augusto também assinou o decreto para conceder o risco/atividade, que conforme informou, nunca foi repassado aos guardas civis municipais. Também há uma expectativa para que no período 2018/2019 seja realizado concurso público para reforço do efetivo.

Proteção à Mulher

A Guarda Civil Municipal integra a Rede de Proteção à Mulher e este ano criou a "Patrulha Maria da Penha", coordenada pelo inspetor Sales e GCM Lana. Hoje são 65 medidas protetivas atendidas. 

Em parceria com a AAMS (Associação de Amparo à Mulher Sebastianense) e a Coordenadoria da Mulher, a GCM desenvolverá ainda um programa de defesa pessoal voltado para mulheres, coordenado pelos GCMs Sales e Caprioti. 



Últimas Notícias