Divulgação/PMSS

Prefeitura de São Sebastião inicia obra de contenção e drenagem em Juquehy



Postado em: 26/11/2023


A Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria de Obras, deu início ao conjunto de intervenções de infraestrutura em estabilidade de taludes e obras de drenagem na Vila Queiroz Galvão/Morro do Esquimó, no bairro de Juquehy, na Costa Sul do município.

A localidade sofre, historicamente, com chuvas intensas em curtos períodos de tempo que, conjuntamente à acidentada topografia do município, provocam séries de deslizamentos de terra e alagamentos.

A Vila Queiroz Galvão/Esquimó foi um dos locais mais atingidos pelas chuvas no início do ano de 2023, gerando grandes movimentações de terra e alagamentos de ruas que, por sua vez, provocam deterioração acelerada da infraestrutura local, tornando os níveis de serviços inadequados. 

Segundo a Prefeitura, a intenção da obra é criar um sistema de drenagem com níveis de serviço adequados, com capacidade para receber grandes volumes de chuva em curtos períodos e direcioná-la, com dispositivos de transposição, para a rede hídrica local (rios).]

A localidade compreende, também, parte da microbacia hidráulica da região e, em decorrência das fortes chuvas ocorridas no dia 19 de fevereiro, grandes deslizamentos de terra e movimentação de massas de solo ocorreram na região norte do bairro de Juquehy.

Esta intervenção compreende a execução de canal hidráulico em muro de gabião, de modo a condicionar melhor o fluxo hídrico vindo das áreas mais elevadas do bairro. Para a estabilização do talude, foram projetados muros em gabião caixa em trechos distintos, com retaludamento das áreas de interferência e dos trechos superiores do talude.

Para estabilizar os taludes em situação de criticidade, estão previstas intervenções de contenção do tipo solo grampeado e posterior proteção superficial em concreto projetado. Essa intervenção prevê o retaludamento dos trechos de encosta para acomodação dos dispositivos de captação hidráulica previstos para o talude, sendo ela do tipo escada hidráulica e canaletas trapezoidais.

Para redirecionamento dos volumes de água advindos do talude, serão instaladas rede de tubulações e caixas, a serem interligadas na rede existente. 
A estabilização da margem do córrego existente e estabilização dos lançamentos das redes pluviais serão feitas com enrocamento de pedra em taludes, muros em gabião caixa, em trechos distintos com retaludamento das áreas de interferência.

A empresa responsável pela execução do projeto é a Verdebianco Engenharia LTDA, ao custo de R$ 16.616.527,88. O prazo de execução é de quatro meses e o término dos serviços está previsto para fevereiro de 2024.

 



Últimas Notícias