GBMar forma 24 guarda-vidas temporários contratados pela Prefeitura de Caraguatatuba



Postado em: 24/11/2023


O Grupamento de Bombeiros Marítimos (GBMar) entregou os certificados de conclusão de curso para os 24 guarda-vidas temporários (GVTs) da Prefeitura de Caraguatatuba, na manhã de quinta-feira (23/11), no auditório da Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba (Fundacc), no Centro. Os guarda-vidas vão trabalhar nas praias do município na temporada de verão 2023/2024, sob a supervisão do GBmar. 

A formatura contou com a participação do prefeito Aguilar Junior; do comandante do 3º Subgrupamento do GBMar, tenente PM Eduardo Henrique Motta e do comandante de prontidão do Posto de Bombeiros Marítimo da Praia Martim de Sá, 2º sargento PM Giulian Garcez de Assis, além de militares do GBMar e familiares dos formandos. “Tenho certeza que todos estão muito bem capacitados para prestar esse serviço, porque nós bombeiros guardas-vidas somos uma tropa de elite do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo. O nosso serviço não pode ser feito por qualquer pessoa e, por essa razão, os guarda-vidas temporários passaram essas semanas recebendo treinamentos teórico e prático para exercer a profissão”, reconheceu o comandante do 3º Subgrupamento do GBMar, tenente PM Eduardo Henrique Motta. 

O prefeito Aguilar Junior disse que os novos GVTs terão a oportunidade de fazer a diferença na vida das pessoas. “Todas às vezes que a Prefeitura reforça esse convênio de contratação de guarda-vidas temporários, é sempre no intuito dessa parceria dar frutos para a segurança dos nossos banhistas, sobre tudo para turistas e veranistas que, muitas vezes, não conhecem o nosso litoral e não têm a noção de perigo do mar. É a vida de vocês à disposição de outras vidas”, destacou. 

A formatura também foi marcada pelas homenagens aos instrutores do curso, cabo PM Fernando Silvestrini e soldado PM Elias Barbarrossi; e aos guarda-vidas temporários: Victor Galvão de Carvalho Fachini de Oliveira, Artur Ometto Zilioli e Nicolas Franzolin Cerqueira, pelo ótimo desempenho no treinamento com as notas 9,94, 9,92 e 9,91, respectivamente. O guarda-vidas temporário, Guilherme Barbosa Medeiros, foi o orador da turma. 

O contrato terá 120 dias de duração (quatro meses), carga de 40 horas/semanais ou turno de revezamento de 12hx36h, salário de R$ 1.818,60 e vales transporte, alimentação e refeição.  Ao todo, 34 classificados no teste de aptidão física (TAF) participaram do curso de formação, com duração de 19 dias. No curso, os aspirantes a guarda-vidas fizeram aulas práticas e teóricas sobre o protocolo técnico do guarda-vidas, que aborda assuntos como oceanografia, equipamentos utilizados pelos guarda-vidas, técnicas básicas de recuperação de afogados, técnicas de salvamento no mar, entre outros.

Os guarda-vidas temporários vão trabalhar em todas as praias de Caraguatatuba e receberão o reforço de mais 20 guarda-vidas por tempo determinado (GVTD) do Governo do Estado.  A Prefeitura de Caraguatatuba publicou a classificação final, homologação e a convocação do processo seletivo simplificado para 24 vagas de guarda-vidas temporários na Edição 1.175 do Diário Oficial Eletrônico do Município do dia 9 de novembro.



Últimas Notícias