Divulgação/Concessionária Tamoios

Antecipada "Operação Descida" na Tamoios; rodovia deve receber 190 mil veículos e balsas 40 mil carros no feriadão de Réveillon



Postado em: 29/12/2015


A Concessionária Tamoios, em conjunto com a Polícia Rodoviária, antecipou a operação descida que antecede o Feriado de Réveillon na Rodovia dos Tamoios. Inicialmente, a implantação da faixa adicional no sentido Litoral aconteceria a partir das 13h de quinta-feira (31). Mas devido ao grande movimento, a operação teve início na segunda-feira (28). A expectativa é de um movimento de 190 mil veículos no feriadão de Ano Novo.

Desde segunda-feira, a pista sentido Litoral no trecho de serra da Rodovia conta com o acréscimo de mais uma faixa de rolamento, devidamente sinalizada por balizadores. A iniciativa foi motivada pelo elevado fluxo de veículos dos últimos dias em praticamente todo o período.

O trecho onde foi registrada a maior lentidão é o que antecede a serra, onde o tráfego deixa de fluir por duas faixas de rolamento (em todo o trecho de Planalto) e é afunilado em uma faixa. Esta situação será resolvida com a duplicação do trecho de Serra, cuja obra de alta complexidade já está em andamento e tem previsão de conclusão em quatro anos e meio.

A Concessionária Tamoios prossegue com o monitoramento permanente do fluxo de veículos para que, sempre que possível, sejam implantadas ações visando o aumento da fluidez na Rodovia.

Para o retorno do feriado, no domingo (03 de janeiro), a pista de subida contará com sua configuração normal, com duas faixas de rolamento. Dessa forma, a pista de descida volta a contar com uma faixa. Em função do alto volume de veículos no retorno, a Concessionária recomenda que as viagens sejam antecipadas e que os horários de maior movimento sejam evitados.

Horários de pico

Início do feriado (fluxo de veículos sentido Litoral):

Quarta-feira (30/12) – das 07h à 0h

Quinta-feira (31/12) – das 07h às 20h

Sexta-feira (01/01) – das 07h às 18h

Retorno do feriado (fluxo de veículos sentido Vale do Paraíba):

Domingo (03/01) – das 08h à 0h

Obras

A Concessionária Tamoios suspendeu a realização de obras que possam interferir no tráfego de veículos durante o feriado de Réveillon. No trecho de Planalto, os usuários devem redobrar a atenção ao trafegar na altura do km 16,1 e do km 59,3 onde poderá haver estreitamento de pistas.

Durante o feriado, além dos recursos disponibilizados rotineiramente, a Concessionária Tamoios contará com o reforço de viaturas extras.  Estarão disponíveis os seguintes equipamentos:

 Emergência

Na Rodovia dos Tamoios os usuários têm à disposição serviço de atendimento gratuito por meio do número 0800 545 0000. Este serviço está disponível 24 horas por dia.

 Os usuários da Tamoios têm à disposição os serviços oferecidos no SAU (Serviço de Atendimento ao Usuário), nos dois sentidos de tráfego. Nos SAU's, os usuários encontram banheiros, bebedouro, fraldário e um atendente para prestar informações. Essas bases estão localizadas no km 24 (pista sentido Litoral) e km 54 (pista sentido Vale do Paraíba).

Oswaldo Cruz

Na Rodovia Oswaldo Cruz, que liga Ubatuba a Taubaté, a expectativa é de um movimento de 78 mil veículoes, segundo o DER (Departamento de Estradas e Rodagem). No trecho de serra, entre os kms 85 e 94, haverá um reforço na fiscalização.

Balsas

Na travessia por balsas entre São Sebastião e Ilhabela, o movimento permanece intenso e constante.

Segundo a Dersa, para a chegada a Ilhabela, os horários de maior movimento são nesta terça-feira (29) até às 20 horas; na quarta (30), a partir das 12 horas e no último dia do ano, das 9 às 14 horas.

Já no sentido Ilhabela-São Sebastião, a Dersa prevê movimento maior na final da tarde entre os dias 29 e 31. O maior fluxo de veículos no retorno deve ser registrado no domingo (03), a partir das 12 horas.

A expectativa é de que 40 mil veículos se utilizem da travessia desde as 12 horas desta terça até às 12 horas do dia 4 de janeiro.

No feriadão de Natal, o movimento entre os dias 22 e 26 de dezembro foi de 36.646, o que representou um aumento de 4% em relação ao mesmo período do ano passado.



Últimas Notícias