PMI

Primeiro navio da temporada 2015-2016 traz mais de 1,8 mil turistas a Ilhabela


Postado em: 10/11/2015

A temporada de cruzeiros 2015-2016 começou na manhã desta terça-feira (10/11) em Ilhabela. A embarcação Empress trouxe mais 1,8 mil turistas de diversas regiões do país ao município.

O primeiro navio chegou ao arquipélago por volta das 10h, um pouco antes do previsto, às 10h30. Muitos casais em lua de mel e visitantes do Estado de Minas Gerais. É o caso da autônoma Elisabeth Nunes de Paula, de 58 anos, moradora da cidade de Unaí (MG). "É a primeira vez que visito Ilhabela e estou bastante ansiosa para conhecer a cidade. O arquipélago parece ser muito acolhedor e apresenta belezas naturais incríveis. Quero aproveitar bastante", disse.

Mais de 280 mil turistas devem passar pela cidade. Isso aquece a economia e gera novos empregos. Nesta temporada, conforme estimativa da Secretaria de Turismo, as escalas de navios devem injetar cerca de R$ 15 milhões na economia local. Ilhabela receberá 96 escalas, sendo 20 duplas e outras duas escalas triplas. A próxima parada no arquipélago será nesta quinta-feira (12/11), às 9h. O navio Armonia fica na cidade até as 18h.

"Nossa cidade está preparada para mais uma temporada de navios. Esse segmento é muito importante para o nosso município, pois os visitantes que passam o dia no arquipélago movimentam o nosso comércio e aquecem a economia local", destaca o prefeito Toninho Colucci.

No receptivo turístico devem atuar 20 vans com média de 15 lugares cada, 62 jipes, oito embarcações e cerca de 20 táxis. Eles são os responsáveis por levar os turistas a passeios como as praias do Curral, Garapocaia (Pedra do Sino), Cachoeira da Toca, Museu Náutico, entre outros atrativos da Ilha.

Muitos turistas preferem ficar próximos ao local do desembarque, na Vila, e aproveitam para conhecer o centro histórico, desfrutar dos restaurantes e vão às compras nas lojas de artesanato. A praia do Saco da Capela também é muito frequentada durante as escalas.

Seguindo as normas do Ministério do Turismo, todas as vans do receptivo terão de ter ar-condicionado e no máximo até oito anos de fabricação. A medida significa conforto e segurança para os turistas. O Centro de Informações Turísticas, que fica em frente ao píer, na Vila, foi ampliado e conta com profissionais preparados da Secretaria de Turismo e Fomento.



Últimas Notícias