PMI

Prefeitura constrói escola para Estado em troca de antigo prédio no centro histórico em Ilhabela



Postado em: 05/11/2015


A Prefeitura de Ilhabela está construindo um novo prédio para abrigar a Escola Estadual "Dr. Gabriel Ribeiro", no bairro do Perequê. Em troca, o município receberá o atual prédio da escola, um imóvel localizado na Vila, centro histórico do arquipélago, onde pretende fazer um polo cultural. 

A nova Escola Estadual "Dr. Gabriel Ribeiro", que atenderá mais de mil alunos do ensino médio e o projeto de Educação de Jovens e Adultos (EJA) em três períodos, está com a obra em fase final no Perequê.

O novo prédio construído pela Prefeitura de Ilhabela tem prazo de término para dezembro deste ano. A equipe de gestão escolar e a responsabilidade administrativa serão do Governo Estadual. O investimento é de R$ 4,8 milhões. 

O novo prédio que está sendo construído no Perequê terá 10 salas de aula, além de dois pátios, quadra poliesportiva coberta, salas de leitura, estudo, recuperação e informática, laboratório de ciências, espaços administrativos, cozinha, cantina, entradas independentes (administrativo e alunos), banheiros no piso superior e no piso inferior, e rampas de acessibilidade.

"Esta é uma parceria que fizemos com o Governo do Estado. Construímos a nova escola no Perequê e o antigo prédio passa para a Prefeitura, que pretende integra-lo ao centro histórico, na Vila, com um projeto de polo cultural", destacou o prefeito Toninho Colucci.

A secretária de Educação, Lídia Sarmento, ressalta a importância da mudança. "Desejamos todo sucesso a equipe de gestão escolar da nova escola estadual Dr. Gabriel Ribeiro. A unidade atenderá alunos de todas as regiões da nossa cidade, principalmente dos bairros Itaguaçu, Água Branca, Reino e Perequê. Por isso, a Prefeitura pensou estrategicamente o local", destaca a secretária de Educação, Lídia Sarmento.

Tempo integral  

A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Educação, intensificará o trabalho de reformas e ampliações nas escolas municipais em 2016 para atender mais de 60% da rede pública de ensino em tempo integral. A E.M. Sebastião Leite, no bairro do Bexiga, receberá quatro novas salas de aula. Já a E.M. José Benedito de Moraes, no Reino, será contemplada com outras oito salas. A E.M. Maria Thereza de Freitas Vidal, no São Pedro, região sul da Ilha, terá outras duas salas. As ampliações das três unidades serão entregues no ano que vem.

Também em 2016 está previsto o início das obras de reforma e ampliação de três escolas municipais. São elas: E.M. Mércia do Nascimento, no Saco da Capela (oito novas salas de aula), E.M. Dercy de Andrade, no Portinho (cinco novas salas de aula), e E.M. Severina de Faria, no Itaquanduba (seis novas salas de aula).

Ainda no ano quem será construída a nova Escola Municipal Terezinha de Jesus Ferreira, na Barra Velha. A unidade contará com salas de leitura, brinquedoteca e salas de ciências e informática.

Mais Educação

Neste ano, foram entregues as reformas e ampliações das escolas municipais Maria Leonor Fazzini, na Armação; Waldemar Belisário, no Itaquanduba; Toninho Marques, na Água Branca; e Paulo Renato, no Alto da Barra Velha.

A Prefeitura também inaugurou a nova E.M. Leonardo Reale, na Armação, e a escola de ensino infantil Altamira de Castro Viera Colucci, no Alto da Barra Velha. A rede pública de ensino de Ilhabela conta atualmente com 18 escolas municipais em tempo integral. São 6,2 mil alunos e 35 escolas, incluindo as unidades de ensino nas comunidades tradicionais.



Últimas Notícias