Junior Smorigo/CBSurf

Sophia Medina é bicampeã do Brasileiro de Surf; quatro surfistas de Maresias conquistam títulos



Postado em: 03/12/2020


Estão definidos os campeões do Silverbar CBSurf Júnior Tour 2020, o Circuito Brasileiro de Surf nas categorias de base. Sophia Medina, irmã do bicampeão mundial Gabriel Medina, e Caio Costa ficaram com os títulos da sub18 e da sub16 (onde também comemoraram os bicampeonatos), enquanto que Sophia Gonçalves e Murillo Coura levaram na sub14. Em comum, os quatro atletas moram e treinam na Praia de Maresias, em São Sebastião.

Eles terminaram a 2ª etapa, realizada em Ubatuba/SP, na liderança das categorias e com o cancelamento da 3ª e última disputa, marcada inicialmente para os dias 26 e 27 de dezembro, em Natal/RN, a Confederação Brasileira de Surf (CBSurf) oficializou as conquistas. Ficaram válidos, portanto, os resultados em Itacaré/BA, em março, e Ubatuba, em novembro. Com a decisão, também foi definido o ranking por estados e a Federação Paulista de Surf levou mais um título por equipes. 

O presidente da Confederação Brasileira de Surf, Adalvo Argolo, deu os parabéns aos campeões e destacou o nível técnico forte do Circuito e os esforços para a realização das etapas nessa retomada do surf, diante da pandemia do Covid-19. “Com certeza, estamos muito bem representados por esses atletas, que demonstraram nas ondas muita qualidade. Parabéns a todos e também aos outros surfistas que chegaram bem no ranking e engradeceram ainda mais essas conquistas. Parabéns às federações e aos nossos patrocinadores. Foi uma união que tornou esse sucesso”, falou.

“Infelizmente, não teremos a terceira etapa, mas foi uma decisão atendendo a muitos pedidos de federações e atletas, porque a única data disponível se tornou difícil em questão de hospedagem e viagem. Tentamos, ao máximo, adequar todos os nossos eventos, diante da pandemia do Covid-19. Conseguimos realizar, nessa retomada do surf, a etapa de Ubatuba, com muito sucesso, nível excelente e seguindo os protocolos de segurança. Também já fizemos duas do CBSurf Pro Tour, que teremos a final em Salvador. Estamos batalhando ao máximo para garantir campeonatos bem organizados para fomentar o surf”, completou.

Os atletas ficaram felizes com as conquistas. Sophia Medina garantiu 100% de aproveitamento na sub16, onde foi bicampeã, e assumiu o primeiro lugar na sub18, com a vitória em Ubatuba, barrando o tri de Júlia Duarte, do Rio de Janeiro. “É uma sensação de satisfação garantir dois títulos por todos os treinos durante o ano, todos os dias na água me dedicando e sempre com foco nos meus objetivos. Graças a Deus teve essas etapas durante o ano para poder mostrar os resultados da minha preparação e só tenho que agradecer a Deus pelas vitórias”, disse a irmã caçula do bicampeão mundial Gabriel Medina.

Caio comemorou o bicampeonato na sub16, mantendo a ponta, mesmo parando na semifinal em Ubatuba. Já na sub18, passou para o primeiro lugar com a vitória. “Fiquei muito feliz com a notícia, pois treinei muito com o meu técnico Alex Leco pra alcançar esses objetivos. Conquistar o título brasileiro em duas categorias na mesma temporada não é fácil, pois o nível está muito alto. Ainda conquistar na categoria acima, que é a sub18, foi excelente”, vibrou.

“Esse ano foi tudo bem difícil para todos, mas o Leco me ajudou muito a manter o foco para usar isso a nosso favor e poder treinar mais e me preparar melhor ainda. Essa conquista foi fruto de dedicação e trabalho junto à minha equipe, que acredita muito no meu potencial”, acrescentou.

Sophia Gonçalves também comemorou muito o seu primeiro título brasileiro, ao chegar nas finais das duas etapas. De quebra, ainda foi vice-campeã brasileira na sub16 e quinta colocada na sub18, mostrando futuro garantido. “Eu quero agradecer a Deus, à minha família, aos meus amigos e a todos que torceram por mim. Estou muito feliz, ainda mais nesse ano que foi difícil, de muito processo, aprendizado e experiência, finalizando meu último ano de sub 14 com a sensação de dever cumprido”, agradeceu.

Murillo Coura garantiu o caneco com dois segundos lugares. “Foi um ano difícil de pandemia, mas consegui sempre treinar e estou muito feliz com esse título muito importante para o começo da carreira de qualquer atleta. Queria ter mais campeonatos para poder manter o ritmo, mas quando teve, deu tudo certo. Esse título foi fruto de muita luta, muita dedicação”, ressaltou o atleta.

Por equipes, São Paulo venceu as duas etapas. Em Ubatuba, o domínio foi total, levando as seis vitórias individuais, duas com Sophia Medina, uma com Caio Costa, mais duas com Ryan Kainalo, na sub14 e sub16, e outra com Nairê Marquez, na sub14. “Esse novo título confirma que o trabalho de base feito no nosso circuito paulista gera resultados. Tivemos inúmeros exemplos como o Adriano de Souza e o Gabriel Medina, por exemplo, que começaram no nosso campeonato e chegaram aos títulos mundiais. Essa conquista do CBSurf Júnior Tour nos dá mais motivação para seguir o trabalho”, garantiu o presidente da Federação Paulista de Surf, Silvio da Silva. No site da CBSurf estão disponibilizados os rankings completos de cada categoria.

 

RANKING FINAL DO CBSURF JÚNIOR TOUR 2020

CATEGORIA SUB18 MASCULINA

1 Caio Costa – SP – 1.730

2 Cauã Costa – RJ -1.555

3 Mateus Sena – RN – 1.470

4 Kauan Hanson – PB – 1.060

 

CATEGORIA SUB18 FEMININA

1 Sophia Medina – SP – 1.860

2 Júlia Duarte – RJ – 1.590

3 Maju Freitas – RJ – 1.450

4 Nairê Marquez – SP – 1.340

 

CATEGORIA SUB16 MASCULINA

1 Caio Costa – SP – 1.610

2 Guilherme Fernandes – SP – 1.470

3 Kayki Araújo – SC – 1.165

4 Rodrigo Saldanha – SP – 1.090

 

CATEGORIA SUB16 FEMININA

1 Sophia Medina – SP – 2.000

2 Kiany Hyakutake – SC – 1.530

2 Sophia Gonçalves – SP – 1.530

4 Nairê Marquez – SP – 1.285

 

CATEGORIA SUB14 MASCULINA

1 Murillo Coura – SP – 1.720

2 Daniel Duarte – SP – 1.488

3 Gabriel Guerreiro – BA – 1.340

3 Pedro Ryan – CE – 1.340

 

CATEGORIA SUB14 FEMININA

1 Sophia Gonçalves – SP – 1.590

2 Luara Mandelli – SP – 1.500

3 Maria Eduarda – BA – 1.415

4 Evelym Kaline – PB – 1.340



Últimas Notícias