Resgate de maritaca por Corpo de Bombeiros tem “acompanhamento” de outras aves da mesma espécie



Postado em: 16/11/2020


O domingo (15), dia das eleições municipais, foi marcado por um salvamento inusitado pelo Corpo de Bombeiros em São Sebastião, que foi o resgate de uma maritaca em um sobrado na Vila Amélia.

Os bombeiros foram acionados para atender um animal em situação de risco na Rua Domingos Tavolaro. No local, havia uma maritaca enroscada em uma linha de pipa. Diante disso, ficou presa no telhado do sobrado.

Mas o que chamou atenção dos moradores das proximidades foi o som emitido por outras duas aves da mesma espécie, como se pedissem ajuda para a maritaca presa.

Com a chegada da viatura, sob os olhares das “companheiras” que insistiam em não abandoná-la, foi efetuada a operação. Ao final do salvamento e soltura do animal, as três maritacas puderam alçar juntas o voo em liberdade.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o ato das duas maritacas de permanecerem juntas representa a frase “Ninguém será deixado para trás”, adotada pela corporação e pelos policiais militares, no qual nenhum companheiro e cidadão será deixado para trás.



Últimas Notícias