Divulgação/PMC

Força-tarefa da Prefeitura de Caraguatatuba aborda mais de 300 pessoas no fim de semana



Postado em: 26/10/2020


As ações da força-tarefa da Prefeitura de Caraguatatuba e Polícia Militar, realizadas neste fim de semana, contou com a abordagem de cerca de 330 pessoas, a grande maioria (220) pela falta do uso de máscara de proteção facial contra a Covid-19.

Os fiscais das Secretarias de Urbanismo (Postura), Saúde (Vigilância Sanitária) e Fazenda (Comércio) também vistoriaram cerca de 400 estabelecimentos comerciais para verificar o cumprimento do horário, bem como o uso de máscara pelos clientes.  

No caso do comércio, um bar e uma adega foram notificados por estarem abertos após a meia-noite. O horário de fechamento é às 23h30. Caso isso volte a acontecer, o estabelecimento pode ser autuado e até fechado. 

Pela Saúde, foram 96 estabelecimentos inspecionados e aproximadamente 200 pessoas orientadas com relação ao uso de máscaras. Como todas colocaram o acessório, não houve necessidade de autuação. 

Já os fiscais de Postura estiveram em 64 comércios, abordaram 79 pessoas sem máscaras nas feiras e atenderam 16 denúncias de perturbação. 

As equipes também participaram da Força-Tarefa para evitar os Rolezinhos/Fluxo, em parceria com a Polícia Militar. Novas estratégias têm sido adotadas para inibir o descumprimento de leis. 

Pela PM, foram abordadas 54 pessoas sendo que uma foi presa em flagrante. Os policiais também vistoriaram 23 veículos e apreenderam um, além de registraram 17 autos de Infração.

Balanço

Desde o início da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), em março deste ano, a fiscalização da Prefeitura de Caraguatatuba já vistoriou 4.184 estabelecimentos comerciais em relação a horário de funcionamento, uso de máscara e venda de bebidas a menores. 

Neste período foram cerca de 3.650 pessoas abordadas, também pela Polícia Militar, além de atendimento a quase 270 registros, via Canal 156, de Perturbação de Sossego, que resultaram em 32 autuações. 

Os agentes de trânsito da Secretaria de Mobilidade Urbana e Proteção ao Cidadão têm autuado junto à entrada de veículos de turismo de um dia sem autorização, em parceria com a Agência de Reguladora de Transportes no Estado de São Paulo (Artesp) e a Empresa Metropolitana de Transporte Urbano (EMTU), que verificam as condições dos ônibus e vans.

Todas as autuações registradas no período, envolvendo as secretarias da Prefeitura de Caraguatatuba somam mais de R$ 311,3 mil. Importante destacar que os autuados têm prazo para recorrer das infrações. Caso a defesa não seja aceita, ela se transforma em multa e vai para a dívida ativa do município.



Últimas Notícias