Ubatuba monta hospital de campanha no Centro de Convenções para atender casos de Covid-19



Postado em: 04/07/2020


O prefeito de Ubatuba, Délcio Sato (PSD), participou na noite desta sexta-feira (3/7) de uma visita técnica à estrutura do hospital de campanha instalado no Centro de Convenções, no Itaguá. Ele foi acompanhado de demais membros do Comitê de Crise da Covid-19, de representantes da Santa Casa de Ubatuba, vereadores e integrantes da equipe de profissionais trabalharão na unidade. 

Além de enfermarias para o tratamento de pacientes diagnosticados com Covid-19, o Centro de Convenções foi adaptado para ter área de recepção e controle de acesso, laboratório, farmácia, refeitório e banheiros com chuveiros para os profissionais. Uma ambulância UTI também ficará à disposição 24 horas.

O hospital é administrado pelo Instituto de Apoio a Políticas Públicas (IAPP), responsável pela adaptação do espaço e por sua gestão, incluindo equipamentos, insumos e contratação de profissionais, por meio do processo administrativo 5175/2020 e contrato 33/2020. O valor global do contrato para o período de quatro meses é de R$ 3.195.304,29, sendo R$ 2 milhões provenientes de emenda parlamentar do deputado Federal Altair Moraes, R$ 600 mil de verba estadual e R$ 595.304,29 liberados pelo Ministério da Saúde.  A documentação específica pode ser encontrada no Portal da Transparência: https://transparencia.ubatuba.sp.gov.br/licitacao/modalidades.php .

Segundo a prefeitura, a estrutura montada segue todas as orientações preconizadas pelo Ministério da Saúde, pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e pela Organização Mundial de Saúde (OMS). O hospital de campanha não será porta aberta, ou seja, ele receberá pacientes referenciados pela Santa Casa.

A equipe multidisciplinar é formada por enfermeiros, técnicos de enfermagem, coordenação de enfermagem, médicos, fisioterapeuta, assistente social, higiene e limpeza, nutricionista, farmacêutica e auxiliar de farmácia, controladores de acesso, equipe de apoio administrativo e de manutenção. Para ser internado no hospital de campanha, o paciente passará por atendimento médico primeiro na Santa Casa, onde serão feitos os exames necessários, inclusive a coleta para realização do teste PCR para Covid-19, enviado ao Instituto Adolfo Lutz. Somente se houver indicação clínica e médica o paciente será transferido para o hospital de campanha.

Serão 38 leitos de média e baixa complexidade e dois leitos de UTI para estabilização de pacientes que tiverem piora de quadro e necessitarem de transferência para a UTI da Santa Casa ou de outros municípios. O contrário também pode acontecer: pacientes na UTI da Santa Casa com melhora de quadro poderão ser transferidos para o Hospital de Campanha. "Há pouco mais de três meses tomamos as primeiras medidas de combate ao Coronavírus em nossa cidade estabelecendo a quarentena, o fechamento das atividades comerciais e criamos o Comitê de Crise, formado basicamente por especialistas da Saúde para que à luz da ciência nos dar o caminho correto para salvar vidas em nossa cidade. Estabelecemos blitz sanitárias, fechamos as praias e decretamos o uso obrigatório de máscaras. Preparamos a Santa Casa de Ubatuba com setor da Ala COVID-19 e conquistamos a habilitação para 10 leitos temporários de UTI. Conquistamos o Hospital de Campanha que está montado no Centro de Convenções, para atuação em total sintonia com a Santa Casa", explica o prefeito Sato. "Infelizmente a batalha prossegue, pois ainda não há vacina e precisamos nos manter atentos. Foram muitas ações diárias e tomadas de decisões para evitar o contágio e a proliferação do vírus em nossa cidade. As orientações são sempre as mesmas: fique em casa e só saia se for preciso e vá de máscara, além de todas as recomendações de higienização", finaliza.



Últimas Notícias