Sete espetáculos encerram a programação do Festival de Arte do Litoral Norte



Postado em: 21/05/2019


Sete espetáculos encerram a programação do Festival de Arte do Litoral Norte nesta semana. Os destaques são a Conexão Cervantes, a peça Mocha Dick, do Chile, os questionamentos sobre a existência com bonecos animados do "Vigiar e Punir", além de uma experiência especial de processo criativo no teatro.

 O Festival Felino é uma produção da Frente de Educação e Cultura do Litoral Norte, com patrocínio do Prêmio Funarte/Iberecena e apoio das prefeituras de Ubatuba, Caraguatatuba, São Sebastião e Ilhabela. Os espetáculos acontecem até 26 de maio.

A Conexão Cervantes no Festival Felino reúne duas interpretações distintas da obra Don Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes. Uma delas é "Quixotes", do grupo Circo Navegador, de São Sebastião, Brasil, adaptada por Andrea de Almeida e interpretada por ela e Luciano Draetta. É uma obra que traz a brasilidade e a identificação com os quixotes brasileiros. O quixotismo como um dos traços em relação ao sonho de construção de um futuro ideal.

A outra obra que compõe a Conexão Cervantes é "Quijote Popular", da Cia Teatro Búfalo, do Chile, que também faz uma interpretação do clássico original,  com traços da cultura chilena, colocando à prova o próprio autor.. As duas peças podem ser vistas no mesmo dia no Festival Felino, 25/5, dando acesso à qualidade de pesquisa feita por artistas apaixonados pela cultura da esperança na obra de Miguel de Cervantes. Além destes dois espetáculos, a última semana do Felino traz também para o Litoral Norte paulista os exercícios cênicos "Pensar com os pés" e "Rito de Partilha", e as peças "Mocha Dick" e "Vigiar e Punir".

Em "Mocha Dick", dois jovens, de culturas diferentes, passam por uma virada na vida quando se juntam aos sobreviventes de um navio naufragado. Essa é a aventura contada em Mocha Dick, que abre a percepção para os questionamentos da existência humana, e tem como origem a novela norte-americana Moby Dick, de Herman Melville e a lenda da baleia que se defendia dos marinheiros que a perturbavam nos mares chilenos.

A demonstração de processo criativo "Pensar com os Pés", da Cia brasileira Contadores de Mentira, traz para o palco uma oportunidade de entender como o coletivo funciona artisticamente. O resultado é uma experiência de teatro sempre estudada nas universidades, onde os atores transmitem para o público sentimentos e histórias de uma forma bem diferente. Em "Rito de Partilha", da mesma Cia, a atriz Daniele Santana exercita um teatro de vivências, rito e celebração, ao se envolver realmente com um tema e não apenas apresentar a dramaturgia da razão.

Já em "Vigiar e Punir", a peça teatral é uma adaptação da obra do francês Michel Foucault e utiliza marionetes inspiradas nos quadros de Goya e nas imagens de Bosch para provocar reflexão sobre o conceito de normatividade. Mostra como os conceitos de punição e vigilância evoluíram na sociedade contemporânea, utilizando humor sarcástico, poesia visual e formas animadas para tocar o público de maneira mais sensitiva e emotiva.

Após cada apresentação terá espaço um debate com os participantes.Durante o Festival Felino também são oferecidas oficinas com artistas consagrados para todos os interessados.

Serviço:

CARAGUATATUBA

24/05 – 14h - Teatro Mário Covas – Avenida Goiás, 187 – Indaiá

"Mocha Dick" - Teatro Búfalo – Chile*

 

SÃO SEBASTIÃO

22/05 – 20h - Espaço Cultural Circo Navegador – Rua Prefeito Mansueto Pierotti, 826 Vila Amélia

"Pensar com os Pés" e "Rito de Partilha" - Contadores de Mentira – Brasil*

24/05 – 19h30 - Teatro Municipal de São Sebastião – Avenida Dr. Altino Arantes,2 Centro

"Vigiar e Punir" - Cia Caravan Maschera – Brasil*

 

25/5 – 16h - Rua da Praia - em frente à Casa da Cultura

"Quixotes" - Circo Navegador – Brasil*

25/05 – 20h -  Espaço Cultural Circo Navegador - Rua Prefeito Mansueto Pierotti, 826 Vila Amélia

"Quijote Popular" - Teatro Búfalo – Chile*

 

ILHABELA

23/05 – 20h - Galpão das Artes – Rua da Cocaia, 720 - Cocaia

"Mocha Dick" - Teatro Búfalo – Chile*

 

26/05 – 20h - Galpão das Artes- Rua da Cocaia, 720 - Cocaia

"Quijote Popular" - Teatro Búfalo – Chile*



Últimas Notícias