Samu comemora três anos no Litoral Norte e mais de 120 mil atendimentos



Postado em: 22/11/2013


São Sebastião-22/11/2013 - O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que tem como base  a cidade de São Sebastião comemora nesta sexta-feira(22/11) três anos de atuação nas quatro cidades do Litoral Norte. Segundo levantamento, neste período a Central de Regulação de Urgências e a de Operações já atendeu 127.820 solicitações de socorro, sendo que destas 28.793 registros de traumas – que podem ser relacionados a acidentes domésticos e de trabalho - e 8.723 traumas relacionados ao trânsito.
Deste total de atendimentos somente em São Sebastião foram 38.879 no período de novembro de 2010 até novembro de 2013 sendo 8.948 traumas e 2.715 traumas relacionados ao trânsito.
Na avaliação do coordenador do Samu no Litoral Norte André Luis da Silva Leandro com a chegada do serviço à região foi dado um salto na chance de sobrevida das vítimas de agravo a saúde, sejam elas de natureza clínica ou traumática. “O grande objetivo do Samu é chegar precocemente a estas vítimas para garantir a vida e a qualidade do atendimento”, disse.
Leandro enfatiza a importância do serviço e principalmente a atuação do médico que começa no atendimento da ligação. “O Samu não é simplesmente um serviço de transporte de ambulância. O médico regulador, que atende a ligação, tem a função de definir se existe uma emergência, qual o nível desta urgência e qual o tipo de atendimento a ser enviado ( se básico ou Avançado). Isso proporciona a população um controle do atendimento e é imprescindível que a população entenda isso e colabore para que possa ser atendida com qualidade”.
Além de ter na Central de Regulação Médica – instalada em São Sebastião – dois atendentes, um rádio operador e um médico 24 horas, o serviço ainda conta com cinco ambulâncias de suporte básico de vida e uma avançada em São Sebastião; uma ambulância de suporte básico em Ilhabela; três de suporte básico e uma avançada em Caraguatatuba; e três unidades de suporte básico e uma avançada em Ubatuba.
As ambulâncias de suporte básico são tripuladas por um condutor e um Técnico Auxiliar de Enfermagem, ambos treinados para Atendimento Pré-Hospitalar e são equipadas com equipamentos de Suporte Básico a Vida e Equipamento de Vias Aéreas portátil em Oxigênio, Desfibriladores Elétricos Automáticos, Oxímetro de Pulso (que mede a quantidade de Oxigênio no sangue) entre outros.
Já as Unidades de Suporte Avançado são tripuladas por um Médico, um enfermeiro e um condutor de veículo de emergência. Estas são equipadas com equipamentos portáteis de vias aéreas e oxigênio, respiradores portáteis e tudo o que necessita dentro de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).
Além disso, o município de São Sebastião é o único a possuir o medicamento Metalise que possibilita ao paciente de Infarto Agudo do Miocárido a ter sua artéria coronária desobstruída antes mesmo de chegar a unidade de pronto socorro. “Este tratamento é utilizado ainda somente nos grandes centros urbanos e em países como Estados Unidos, Inglaterra, França. Para se ter uma ideia cada dose deste medicamento custa R$ 4,5 mil, um investimento alto, mas, a recuperação do paciente é três vezes mais rápida do que quando utilizado medicamentos mais comuns”, explica Leandro.
O coordenador destaca ainda a os investimentos do Município em novos equipamentos de imobilização. “Nós da Coordenação do Samu Litoral Norte – de São Sebastião, agradecemos a dedicação e apoio de nossos profissionais, sabemos que estamos caminhando para melhorar cada dia mais, porém o que nos dá certeza de que somos um sucesso é saber que temos profissionais que amam e vibram com o que fazem”, finaliza.



Últimas Notícias