Radar Litoral

Coleta de lixo é retomada em São Sebastião com nova empresa



Postado em: 28/09/2018


O prefeito Felipe Augusto assinou, na manhã desta sexta-feira (28), a Ordem de Serviço para o início das atividades das empresas RioZin e Marquise Ambiental, respectivamente, para serviços de varrição e coleta de lixo.Imediatamente após a assinatura dos documentos os funcionários das empresas já começaram as operações em toda a cidade.

Na ocasião também foi apresentada a nova frota de caminhões e veículos que irão atuar na coleta de lixo em toda a cidade. Segundo informações dos representantes da empresa nesta primeira etapa foram apresentados 17 caminhões compactadores e um caminhão caçamba.

Ainda segundo os representantes da empresa, num primeiro momento 180 funcionários foram contratados para trabalharem nas ruas da cidade. 

As duas novas empresas substituem a Ecopav, que teve seus contratos rescindidos. O relativo à varrição foi considerado irregular pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) e a RioZin ganhou a licitação. Já com relação à coleta de lixo, a rescisão ocorreu após a empresa deixar de cumprir itens do contrato. A Marquise, considerada a terceira maior do Brasil, foi contratada emergencialmente por 180 dias após consulta de preços a cinco empresas. Nesse período, a Prefeitura fará uma nova licitação.

A Ecopav suspendeu suas atividades desde o início da tarde da última quarta-feira (26) e a expectativa é de que os serviços sejam normalizados até o final de semana. Os valores dos dois contratos são de cerca de R$ 1,7 milhão.

 O prefeito Felipe Augusto enfatizou a necessidade de a prefeitura fazer a substituição da empresa. "A empresa que estava já não tinha condições de prestar o serviço que a nossa cidade merece. Por isso tivemos de ter coragem para agir e responsabilidade para fazer a rescisão do contrato e contratar uma nova empresa e nós fizemos".  

Felipe Augusto assinou as ordens de serviço das novas empresas de coleta de lixo e varrição (Foto: Luciano Vieira/PMSS)



Últimas Notícias