Daniela Carvalho



Site: http://encantes.blogspot.com.br/

Daniela Carvalho, autora do Blog Encantes, é jornalista e adora escrever sobre estilo de vida, viagens e histórias do cotidiano, como forma de diminuir as distâncias e estreitar os laços de amizade. Sonha morar em Paris e escrever um livro de crônicas.

 

 

A cidade que sonha com uma Biblioteca

Por Daniela Carvalho/ Blog Encantes

Há sonho mais bonito?
Moro em São Sebastião, cidade pequena, pertinho do mar, onde existe apenas uma livraria, muito charmosa por sinal, chamada Satélite. Eu adoro ir até lá para sentir o cheiro dos livros enquanto saboreio um café.
Tenho sorte, posso pagar. Mas, e quem não pode?
Quem não pode comprar um livro, deixa a alma morrer de fome?
Inconformados com essa situação, em dezembro, um bando de sonhadores idealizou o evento Biblioteca dos Sonhos.
O bom em ter amigos é poder sonhar junto. Eu e meus amigos sonhamos muito, sonhamos grande, sonhamos o tempo todo. Sonhamos e Realizamos.
Assim, munidos com uma faixa colorida gigante, música composta no capricho “Pé de Livro” e muita alegria nós fomos para a rua mais agitada da cidade e perguntamos às pessoas:
- Como é a Biblioteca dos seus sonhos?
Ouvir a comunidade é como abrir uma caixinha de surpresas. Em 2 horas, tínhamos mais de 70 respostas.
Você sabia que a maioria das crianças com quem conversamos nunca entrou em uma Biblioteca?
Mesmo assim, bastou alguns minutos de conversa, para que elas se empoderassem da ideia e passassem a opinar com muita convicção.
- Precisa ser colorida. Ter livros novos. Ar- condicionado. Espaço de leitura. Computadores para pesquisa. Jardim. Estacionamento de Bicicleta. Wi-Fi Grátis, aberta nos finais de semana...
Dizem que sonhar não custa nada, está errado. Sonhar custa e muito.

Pessoas que sonham são muitas vezes julgadas de forma apressada por aqueles que têm medo de inverter a ordem “imperfeita” das coisas.
Esses julgamentos se convertem em descrédito, piadas sem graça e podem evoluir para fofocas muito maldosas.
Bobagens de quem tem medo, inveja ou não consegue compreender como alguém pode sonhar em fazer o bem sem querer nada em troca.
Gente assim, nunca poderá entender mesmo o que se passa no coração de um sonhador.
Sim, podemos ser inconstantes, insatisfeitos e questionarmos o tempo todo, mas ao verdadeiro sonhador falta a malícia da maldade.
Quem sonha bonito, não quer o mal. Queremos só deixar o mundo mais feliz!
PS: Todas os pedidos da Comunidade para a Biblioteca dos Sonhos foram entregues:
- À Fundass - Fundação Educacional e Cultural de São Sebastião Deodato Santana,  para  o presidente Cristiano Ribeiro e o diretor  cultural e criativo, Adbailson Cuba ( no meio da foto, com as propostas).
- À Secretaria de Obras para a diretora de Urbanismo, Isabela Galvez
PS: A obra da Biblioteca já começou.